Reeducação alimentar para uma vida saudável

Os benefícios alcançados com a reeducação alimentar são diversos, com destaque para a perda ou ganho de peso

por

Da sopa, da água, da lua, da melancia, das cores, do chá, da maçã, do leite, do tipo sanguíneo, da proteína, detox, japonesa, tailandesa, mediterrânea, sem glúten… ufa! São inúmeros os tipos de dietas que existem por aí prometendo mandar embora aqueles quilinhos extras que tanto incomodam as mulheres, e quem nunca experimentou nenhum deles que atire o primeiro pneu, ops, a primeira pedra!

A gente sabe que o que toda mulher quer é se olhar no espelho e se sentir confortável em si mesma, mas quando o “corpitcho” não está agradando, a maior parte da mulherada entra em parafuso e começa uma busca pelo peso ideal. Até aí, tudo bem, o problema é que muitas, na tentativa de encontrar o caminho mais rápido até o manequim desejado, acabam apelando para dietas drásticas, por vezes restritivas demais, inadequadas para o seu biotipo e, ao invés de atingir o objetivo, acabam até enfrentando problemas sérios de saúde.

Tainã
Tainã Silva – “A reeducação alimentar é um processo de mudança comportamental”

Por isso, os profissionais dessa área têm se preocupado, cada vez mais, em conscientizar as pessoas que o caminho mais seguro para o emagrecimento saudável, é a reeducação alimentar. “Esse é um processo de mudança comportamental onde o indivíduo recebe orientações nutricionais específicas para assim conhecer e incorporar hábitos alimentares saudáveis”, explica a Nutricionista, especialista em Nutrição Clínica e Terapia Nutricional, Fitoterapia e Suplementação, Tainã Silva. De acordo com a profissional,que também é Pós-Graduanda em Fisiologia do Exercício, a reeducação se trata de um processo educacional no qual a pessoa aprende a fazer a escolha dos alimentos em quantidade e qualidade adequadas, sem deixar de lado a sua cultura alimentar.

Após a frustração de seguir uma dieta indicada por colegas da academia e recuperar o peso perdido, a cantora camaçariense, Laís Martins, decidiu procurar a ajuda de profissionais da área de nutrição e realizar a reeducação alimentar. “O primeiro momento é muito difícil, pois o paladar está acostumando com o sabor dos conservantes, da textura em que ficam os alimentos fritos, que é muito gostoso mesmo! Mas é preciso mudar a rotina do corpo e aprender a comer corretamente”, revela Laís. Hoje, um ano depois dessa decisão e com 12kg a menos, a cantora comemora o resultado. “Eu acordei num dia e não quis mais ver aquela pessoa no espelho, procurei bons profissionais e estou resignificando a vida. Penso que felicidade seja isso: encontrar o seu ponto e se fortalecer. Qualquer dificuldade fica pequena diante da nossa coragem para vencer”, afirma a artista, empolgada em continuar com o tratamento e perder mais 8kg.

laís-martins
Lais Martins – “Qualquer dificuldade fica pequena diante da nossa coragem pra vencer”

A nutricionista Tainã Silva reforça que os benefícios alcançados com a reeducação alimentar são diversos, com destaque para a perda ou ganho de peso, controle de colesterol ou glicose, estética corporal, melhora do rendimento esportivo, dentre outros. Ela aproveita para elencar algumas dicas infalíveis a quem deseja obter maior qualidade de vida por um caminho mais seguro e com resultados assegurados:

A primeira dica é: Não siga dietas da moda, elas até podem funcionar por um curto período, mas se não há mudança interna, os hábitos antigos voltarão, e de nada vai adiantar o sacrifício.

Segunda dica: A reeducação é um processo a longo prazo. Mudar hábitos não é fácil, mas é possível, sim. Acontecem erros e acertos para que se chegue ao equilíbrio.

Terceira dica: Cada indivíduo tem a sua história alimentar, alguns alimentos têm significado emocional, familiar ou estão relacionados a memórias importantes. Por isso, procure um Nutricionista, que é o profissional habilitado para adequar a alimentação ao seu estilo de vida.

cmulhermenor

Esse texto foi escrito por Elba Coelho. Se gostou, diga: tá legal, tá bacana. Se não gostou, diga: melhore, Elba!

E-mail: elbacoelho@camacarimulher.com.br

Comentários

comments

Leia Também