Beleza

Tranças: beleza, identidade e estilo embutidos num só lugar

Enjoou dos cabelos sempre no mesmo estilo e está querendo dar uma repaginada no visual?! Que tal experimentar as tranças?! De raiz, nagô, mega, trança embutida, colorida, natural, com brilho, com adereços, com mechas… existe uma infinidade de opções para você esbanjar personalidade pelas ruas.

IMG-20160425-WA0036Adepta do estilo há 12 anos, a estudante de Educação Física, Shaiane Franco, de 19 anos, revela que o penteado já faz parte da sua vida. “Gosto das finas, pois, além de leves, elas são mais confortáveis e me sinto mais bonita”, revela. Uma preocupação que ela tem é com a lavagem. Quando perguntada se esse procedimento pode ser feito, responde com exatidão. “Deve! As tranças sujam da mesma forma que o cabelo normal e, se não forem lavadas, o cabelo quebra, fica feio e mais suscetível a danos”, explica. “Depois de lavar, o ideal é deixar secar naturalmente, ou usar um secador com uma temperatura média, para não estragar a fibra”, conclui.

 

Ana-camaçari-mulher-tranças-nagô

Conhecida como a “rasta”, a auxiliar administrativa, Ana Paula Macedo, de 30 anos,  revela que as tranças se tornaram sua principal característica. Ela está sempre de olho para que nenhum fio saia do lugar. “Já uso há muitos anos e sempre quando vou fazer a manutenção, procuro mudar o estilo. O bom da trança é a possibilidade de poder brincar com os tamanhos e formas”, afirma.

Para manter o cabelo sempre bonito, Paula se preocupa muito com a hidratação. Como esse processo não pode ser feito junto com as tranças, no momento de repouso, ela não abre mão de ampolas à base de óleo, que fortifiquem a raiz do cabelo.

dca5369a-1c33-4591-9afb-04c50d338290A importância do repouso é reforçada pela megahista Daiana Amorim, de 27 anos. Ela indica que a manutenção das tranças deve ser feita periodicamente. “Esse período sem as tranças é importante para que os fios possam respirar e recuperar uma parte da queratina que foi perdida com as tranças”, alerta. “O período entre uma manutenção e outra não deve ultrapassar três meses”, orienta.

 

 

Saiba mais

Preço – Em Camaçari a média para esse procedimento é de R$80, caso o cliente deseje apenas fazer um penteado usando tranças ou até fazendo com o próprio cabelo, o serviço pode sair até por R$30.

História – De origem africana esse penteado teve seu momento de glória no Brasil em meados da década de 70, seguindo por estilos como: black Power e dreadlocks, ou dreads (trança de formato cilíndrico), misturando estilo à cultura.

cmulhermenor

Comentários

comments